Akon comenta dueto com Anitta, antes de show em SP: ‘Ela é incrível e não segue padrões’

Publicado em: 26/10/2019 06h00 Atualizado há 4 horas –

Entre os mais tocados no Brasil nos anos 2000, cantor senegalês fala ao G1 sobre Auto-Tune e hip hop atual: ‘Drake e Post Malone são versões mais refinadas e produzidas de mim mesmo’.

Foto: Divulgação

Akon está no Brasil, mas não é para gravar clipe com Anitta. O vídeo da parceria dos dois, “Boom Boom”, já foi gravado e deve sair até o fim do ano.

A vinda do cantor senegalês de 46 anos é para o On Music Festival, evento com 12 horas de música no Estádio do Canindé, em São Paulo, neste sábado (veja line-up abaixo).

Após mais de 150 participações, de David Guetta a Michael Jackson, ele diz ter curtido o “feat” com Anitta: “Ela só faz as coisas que ela gosta mesmo de fazer. Ela é incrível e não segue padrões, sabe? Ela se permite ser ela mesma e eu gosto do fato de ela ser bem confiante.”

“São características importantes para você se tornar uma grande popstar. Você não pode ficar se importando muito com o que os outros te dizem. Você tem que agir de acordo com o que você está sentindo e ficar feliz com isso. E eu acho que ela faz isso.”

Clássico dos anos 2000
Akon foi o artista mais tocado em rádios brasileiras em 2007, graças à força dos hits “Don’t Matter”, “Smack That”, “I Wanna Love You” e “Sorry, Blame It On Me”.

Depois, ainda vieram outros sucesso como “Lonely”. Todos são hip hops dançantes, que destacam a voz super processada do cantor. Ele foi um dos caras que ajudou a popularizar ainda mais o uso do Auto-Tune.

A ferramenta digital criada no fim dos anos 90 afina até as vozes mais desajeitadas, mas passou a ser usada como elemento estético, tipo um instrumento musical, principalmente no rap, dance pop e funk.

Akon — Foto: Divulgação

Akon — Foto: Divulgação

“Sempre vai haver alguém que não sabe cantar muito bem e o Auto-Tune vai ajudar a fazer que todo mundo fique parecendo que canta muito bem. Todos têm música em sua alma e gostam de cantar, então… o Auto-Tune sempre vai existir.”

“É uma tecnologia que vai sempre ajudar quem não tem uma voz boa a soar incrível. E eu que todo mundo quer soar incrível, né? Então, o Auto-Tune sempre vai estar vivo.”

E o que dizer do hip hop atual, artistas ligados ao rap mais popular e ao trap como Drake e Post Malone?

“Drake e Post Malone fazem um tipo de música que é bem parecido com o que eu faço. Eles são versões mais refinadas e produzidas de mim mesmo. Então, quando eu ouço esse tipo de música eu amo.”


Fonte: G1

Share

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *