Arrascaeta pisa mais na área e ‘substitui’ Gabigol como finalizador do Flamengo

Publicado em: 12/08/2019 às 07h40

Autor de um gol e uma assistência na vitória sobre o Grêmio, o uruguaio foi quem mais chutou contra a meta de Júlio César, função que costuma ser do camisa 9 Gabriel Barbosa.

Arrascaeta foi o cara do Flamengo diante do Grêmio, no Maracanã (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Arrascaeta foi o cara do Flamengo diante do Grêmio, no Maracanã (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo) Foto: Lance!

A pós a derrota por 3 a 0 para o Bahia, o LANCE! destacou como a ausência de Gabriel Barbosa fez com que o aproveitamento da equipe nas finalizações despencasse para 9%. Uma semana depois, o Flamengo enfrentou o Grêmio, no Maracanã, ainda sem o camisa 9, mas a mudança de posicionamento de Arrascaeta foi a solução encontrada por Jorge Jesus. O uruguaio, pisando mais na área, foi quem mais chutou a gol e decisivo na vitória por 3 a 1 de sábado.
Com três finalizações certas e duas erradas, Arrascaeta foi responsável por 31% dos chutes do Flamengo na partida. A qualidade na batida do camisa 14 não é novidade, mas o que chama atenção é da onde o meia está arriscando: quatro foram de 15 metros ou menos de distância da meta de Júlio César, inclusive a que terminou na rede. Uma única tentativa do meia foi de fora da grande área.
O Flamengo voltou a ter um bom aproveitamento nas finalizações (43,75%) e, se Gabigol inicia a semana como dúvida para o clássico com o Vasco e a diretoria busca a contratação de um centroavante, Jorge Jesus encontrou uma “solução improvisada” para manter a média de gols do time sob seu comando.

– Os números justificam um pouco. Já fizemos aqui no Maracanã pelo Brasileiro 12 gols em três jogos. Mostra nossa forma de olhar ofensivamente para o jogo. No Maracanã, fundamentalmente, temos uma equipe criativa, com poder para fazer gol a qualquer momento – analisou o técnico Jorge Jesus após a vitória.
Após a folga deste domingo, o elenco rubro-negro se reapresenta no CT do Ninho do Urubu na tarde desta segunda. O treinador terá a semana para preparar a equipe para o clássico com o Vasco,no Mané Garrincha, em Brasília.

O lateral-direito Rafinha, suspenso, é desfalque para o Flamengo. Por outro lado, a comissão técnica tem a expectativa de voltar a ter Lincoln e Gabigol a serviço. Os atacantes estão em fase final de recuperação de lesões musculares.

 

 

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Share

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *