Felipão nega pedir demissão do Palmeiras após protestos

Publicado em: 05/08/2019 às 07h20

Palmeiras empatou com o Corinthians em Itaquera pelo Brasileirão.

O técnico Luiz Felipe Scolari, do Palmeiras, antes da partida contra o Corinthians, válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019, na Arena Corinthians, na zona leste de São Paulo, na noite deste domingo (4)

O técnico Luiz Felipe Scolari, do Palmeiras, antes da partida contra o Corinthians, válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019, na Arena Corinthians, na zona leste de São Paulo, na noite deste domingo (4) Foto: ALEX SILVA / Estadão

O técnico Luiz Felipe Scolari negou a possibilidade de pedir demissão do cargo de treinador do Palmeiras após os protestos das torcidas organizadas do clube que antecederam o clássico deste domingo, contra o Corinthians, em Itaquera. Passado o empate em 1 a 1 com o rival, o comandante alviverde foi sucinto ao se referir sobre o assunto.
“Quem cria [esses boatos] deve ter algum interesse. Estou contente [no Palmeiras], tenho meu time para trabalhar, a direção com quem trabalho bem, gosto do Palmeiras. Quem cria responde para vocês. Eu não tenho nada que responder”, afirmou Felipão.
Neste domingo, a maioria das questões ao treinador eram sobre os protestos das torcidas organizadas do Palmeiras, que chegaram a adotar um tom de ameaça nos cânticos e faixas expostas em frente à Academia no último sábado. Felipão, contudo, preferiu não responder qualquer pergunta que fugisse sobre o Derby em Itaquera.
“Não tenho nada a falar [sobre isso], vou falar do jogo. Acho que foi um belo jogo, duas equipes que se apresentaram bem, que têm uma forma muito interessante de jogar. Nós tivemos, no final das contas, três ou quatro oportunidades mais vivas de gol, mas do outro lado tem o Cássio, que, além de ser uma pessoa íntegra, maravilhosa, é um grande goleiro”, prosseguiu Felipão.

“Acho que jogamos bem, o Corinthians também, dentro do seu estilo. Saímos contentes com o empate, porque respeitamos a torcida do Corinthians”, completou o treinador do Palmeiras, sem esconder a satisfação de, ao menos, ter somado um ponto na casa do arquirrival.

 

 

Fonte: Agência Brasil

Share

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *