Zé Rafael se destaca mais recuado e ganha espaço em ‘time ideal’ de Luxa

Publicado em: 11/02/2020 às 08h20

Técnico considera o camisa 8 lento para jogar aberto e tem o escalado como volante. Com boas atuações, o meio-campista chama a atenção nas estatísticas deste início de Paulistão.

Zé Rafael tem chamado a atenção neste começo de ano no Palmeiras (Foto: Cesar Greco)

Zé Rafael tem chamado a atenção neste começo de ano no Palmeiras (Foto: Cesar Greco) Foto: Lance!

Vanderlei Luxemburgo diz que ainda está buscando o time ideal do Palmeiras, mas entre os diversos testes deste início de temporada, Zé Rafael tornou-se um forte candidato a entrar na equipe base. Usado com mais frequência aberto na linha de meias em 2019, ele foi recuado pelo atual treinador e tem chamado a atenção como volante.
O camisa 8 está no top-5 das principais estatísticas do Palmeiras no Paulista, de acordo com o Footstats (veja a lista completa abaixo). O que tem chamado a atenção de Luxa é especialmente a capacidade defensiva do jogador, o segundo palmeirense com mais desarmes e o segundo com mais interceptações neste início de Estadual.
Eu estou fazendo algumas experiências e o Zé Rafael foi uma. Ele é um jogador lento para ser atacante de lado, não tem velocidade para esta função. Já fiz duas experiências com ele: como segundo volante e depois colocando o Patrick (de Paula) como (primeiro) volante e ele e o Bruno Henrique pelos lados. É versátil e tem mostrado um poder de marcação forte, roubando e começando jogadas sem faltas. O tamanho dele, a condição física dele, é um jogador forte e de repente encontrou um espaço. Se vai continuar ou não é outra situação – respondeu o técnico, sábado.
Zé jogou nas cinco rodadas do Paulista, sendo duas como titular: contra Oeste (fez um gol) e Ponte Preta (participou da jogada do gol). Diante de Ituano, São Paulo e Red Bull Bragantino entrou no segundo tempo e deu boa mobilidade ao time, ainda que em Bragança Paulista (SP), local da única derrota no ano, tenha cometido um pênalti.
Contratado na temporada passada do Bahia, o camisa 8 era visto por Luiz Felipe Scolari, seu primeiro técnico no Verdão, como o substituto de Dudu, no lado esquerdo do ataque. Andrey Lopes, nas duas rodadas finais do Brasileirão, o utilizou com mais liberdade, em um time sem centroavante. A partir da chegada de Luxa, tem jogado sempre mais atrás no meio-campo.
Ainda sem um time base definido, Luxemburgo tem cinco jogadores disputando duas vagas. Além de Zé Rafael, o técnico conta com Patrick de Paula, Gabriel Menino, Bruno Henrique e Ramires para o setor. Enquanto Bruno voltou sábado de lesão, o ex-jogador do Chelsea (ING) está em tratamento por conta de uma pancada na coxa direita.
Veja as estatísticas de Zé Rafael neste Campeonato Paulista:
Jogos – 5 (2 como titular, 3 saindo do banco)
Desarmes – 2º no Palmeiras (13 roubadas de bola)
Interceptações – 2º no Palmeiras (3)
Rebatidas – 5º no Palmeiras (4)
Faltas cometidas – 2º no Palmeiras (9)
Faltas sofridas – 4º no Palmeiras (7)
Finalizações – 4º no Palmeiras (11 ao todo – 2 certas e 9 erradas)
Assistências para finalizar – 5º no Palmeiras (6 vezes)
Dribles – 3º no Palmeiras (5)
Passes certos – 5º no Palmeiras (41,8 por jogo)

Fonte: O Lance

Share

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *